Conecte-se
Curta
Olá! Entre, ou cadastre-se
Wagner Pedro
Carioca, ex-membro do Conselho Deliberativo 2011 a 2014, Administrador de Empresas, Pós-Graduado em Sistemas e Didática de Ensino Superior e MBA em Marketing, certificado pela FGV/FIFA/CIES em Gestão, Marketing e Direito no Esporte, qualificado em Governança Corporativa pelo IBGC , executivo da área de Tecnologia da Informação, também leciona sobre planejamento estratégico, projetos e tecnologia da Informação para diversas entidades públicas e privadas, é sócio e frequentador do clube desde os 7 anos.

O temor do pior acontecer, está acontecendo!

peloamordedeus

Essas ultimas péssimas administrações do Vasco acabaram juntas com uma série de bravatas e também superstições que muitos vascaínos se deixavam enganar.

A força do nosso estadio como vantagem competitiva é uma delas, o peso da nossa camisa, os títulos e vitórias em campeonatos regionais e a experiência vitoriosa do passado de dirigentes como fator relevante, e até que o clube recuperava jogadores ultrapassados e medianos…era só manter salários em dia que correriam mais que os adversários, como se comparasse jogadores de futebol a atletas fundistas ou cavalos, além do menosprezo aos adversários da Série B, seria uma moleza ser campeão(sic!),

“Seremos campeões invictos” falavam uns exultantes no inicio do campeonato, “Ja subiu” ou “O ano acabou” no meio do campeonato já envergonhados após perder a invencibilidade e ser eliminado de outro torneio nacional e no fim, totalmente desesperados e tão baixo quanto possível, “O importante é estar entre os quatro”, mas nada disso supera a maior bravata de todas.

Bravata que um TOLO por crer que todos acreditavam no que ele falava, PREPOTENTE por querer impor as suas vontades e opções equivocadas de  qualquer maneira, ULTRAPASSADO por querer buscar no passado soluções para o presente como se nada houvesse evoluido e modificado e para um futuro no qual sequer consegue ter uma previsão ou controle semestral dos próprios números e atividades, FRUSTRADO por não conseguir nada significativo em âmbito nacional como presidente e INCOMPETENTE por não saber administrar estrategicamente um potencial gigantesco durante 10 anos.

A Bravata? O RESPEITO VOLTOU!

VERGONHA!

É um dilema, não sei se a torcida vai fazer valer a sua força no próximo, derradeiro e desesperador  sábado, como humildemente pediu o desapontado técnico Jorginho ou se afastar incrédula do que está acontecendo, assustada por ameaças e retaliações descabidas e desconfiada da própria força, como com certeza quer os dirigentes do clube. Até isto conseguiram.

Que se danem os dirigentes, vamos pedir ajuda a tudo e à todos.

De um grupo de vascaínos do Whatsapp…

O estúpido conhece a verdade, ouve a verdade, vê a verdade, MAS AINDA ASSIM ACREDITA NA MENTIRA!

 

SOMOS VASCO!

Siga-nos no Twitter @cruzadavasco e no Facebook da Cruzada

Nota da Cruzada: Essa coluna é uma forma dos membros do nosso grupo e convidados interagirem com outros vascaínos e trocarem suas opiniões pessoais sobre os assuntos relacionados ao nosso Vasco. A voz oficial da Cruzada são as notas oficiais e opinativas publicadas no nosso site e que posteriormente são divulgadas em outros espaços democráticos vascaínos.

Saiba Quem Somos

Termos de Uso

2 Comentários »
  1. Kleber

    MUITO BOM…

    21 de novembro de 2016 @ 16:22
  2. Alberto

    Sigmund Freud explica e a neurociência complementa.

    24 de novembro de 2016 @ 11:19

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *